Empresas criam associação para desenvolvimento de biocombustíveis

  • Notícias
  • Empresas criam associação para desenvolvimento de biocombustíveis

Através da reunião de diversas empresas, foi formada a Aliança Brasileira para Biocombustíveis de Aviação (ABRABA). O grupo conta inicialmente com a participação de dez entidades: Algae Biotecnologia, Amyris Brasil, Associação Brasileira dos Produtores de Pinhão Manso (ABPPM), Associação das Indústrias Aeroespaciais do Brasil (AIAB), Azul, Embraer, Gol, TAM, TRIP e União da Indústria da Cana-de-Açúcar (UNICA). A ABRABA espera que outras entidades se unam ao grupo para contribuir com o projeto. O objetivo da aliança é promover iniciativas públicas e privadas que busquem o desenvolvimento e a certificação de biocombustíveis sustentáveis para a aviação. Tal meta será viabilizada por meio de diálogos com formuladores de políticas públicas e formadores de opinião, visando a obtenção de biocombustíveis com níveis equivalentes de segurança e custo, em relação aos combustíveis derivados do petróleo. A preocupação mundial com as mudanças do clima tem levado a uma crescente demanda por fontes renováveis. O aumento das emissões dos gases de efeito estufa, aliado às incertezas sobre a disponibilidade dos combustíveis de origem fóssil, reforça a necessidade de se buscar novas alternativas. 13/05/10

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn