Embraer E195 E2 pousa pela primeira vez no restrito aeroporto de London City

O E195-E2, a mais recente aeronave da Embraer, partiu do Farnborough Airshow e fez seu pouso de estreia no icônico City Airport (LCY) de Londres, demonstrando a capacidade de aproximação íngreme da aeronave. A visita, que ocorre antes da certificação da aeronave para aproximação íngreme no London City no final deste ano, incluiu testes de manuseio em solo e outros preparativos para o primeiro voo programado da aeronave para o LCY, que deverá ser realizado logo após a certificação.

visita demonstra a importância que a Embraer atribui a estar preparada para oferecer às companhias aéreas a capacidade de operar no LCY com o E195-E2 – o E190-E2 iniciou suas operações no LCY em setembro de 2021. O aeroporto é um componente vital da conectividade de Londres e as aeronaves da Embraer podem lidar de forma ímpar com os desafios das operações no LCY. As aeronaves da Embraer são responsáveis por 85% de todas as operações no LCY em rotas tão diversas quanto Edimburgo e Mykonos.

Em termos de redução de ruído, o E195-E2 oferece mais de 65% de redução de ruídos na comparação com as aeronaves que utilizam o LCY. Em setembro de 2021, o E190-E2 iniciou seus voos comerciais para o London City Airport, com companhias aéreas como a Helvetic Airways, após a sua certificação Steep Approach (aproximação íngreme) em junho de 2021, uma exigência para operar no London City Airport.

A pista do LCY mede apenas 1.508 metros de comprimento e os ângulos de descida são de até 5,5 graus. Atualmente, 85% de todos os voos que chegam ou partem de LCY são com E-Jets ou E190-E2 operados por companhias aéreas como BA Cityflyer, KLM Cityhopper e Helvetic Airways.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn