Carga Aérea gerou 155 bilhões de dólares de receitas em 2021

A carga aérea contribuiu com mais de um terço das receitas das companhias aéreas em 2021, mais do dobro de sua contribuição em 2020, disse a Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA) em sua Revisão Anual 2022. A associação disse que em 2021, a carga aérea gerou US$ 155 bilhões, acima dos US$ 129 bilhões em 2020 e US$ 101 bilhões em 2019. A demanda global por carga aérea aumentou 6,9% em comparação com o nível pré-Covid em 2019 e 18,7% em comparação com o nível em 2020. A capacidade de carga aérea em 2021, no entanto – medida em toneladas de carga disponíveis quilômetros (ACTKs) – foi de 10,9% abaixo dos ACTKs em 2019 (-12,8% para operações internacionais).

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn