AMR Corporate divulga prejuízo histórico em 2002

A controladora da American Airlines anunciou um prejuízo de US$ 3,5 bilhões em 2002, o pior resultado da história da empresa. Uma das maiores companhias aéreas do mundo, a American registrou, apenas no quarto trimestre uma perda de US$ 529 milhões e alertou para a necessidade de cortar drasticamente os custos para continuar operando. A AMR está buscando cortar gastos aonde pode, com o objetivo de atingir a meta de redução em cerca de US$ 4 bilhões. A desaceleração da economia, o alto custo com combustível e as incertezas globais foram os itens que tiveram maior efeito sobre o resultado. Recentemente, a direção da companhia solicitou maior apoio de todos os empregados, alertando para o fato de não haver mais tempo a perder se os funcionários quiserem mantê-la funcionando.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn