Transporte aéreo global de cargas tem queda de 4,7% em fevereiro

Esta é a pior taxa de crescimento registrada em três anos

A demanda aérea global por transporte de cargas teve redução de 4,7% em fevereiro, em comparação ao mesmo período do ano passado, informa a Associação Internacional do Transporte Aéreo. Esta é a pior taxa de crescimento registrada em três anos. A capacidade dos aviões, porém, cresceu 2,7% no período. O fator de aproveitamento chegou a marca de 44,7%, redução 3,5 pontos percentuais. A IATA elenca três obstáculos que justificam a queda acentuada dos números: as tensões comerciais sobre o setor; o enfraquecimento da atividade econômica global e da confiança do consumidor, além da diminuição nos pedidos de exportação global desde setembro do ano passado. No acumulado de 2019, a demanda teve redução de 3,1%, em comparação ao primeiro bimestre de 2018. A capacidade das aeronaves cresceu 3,8%, na mesma comparação e o fator de aproveitamento teve queda de 3,2 pontos percentuais, fechando em 44,8%. Mais informações no portal www.iata.org. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn