Museu TAM apresenta novidades em junho

Museu homenageia os 85 anos da travessia do Atlântico Sul

O Museu TAM apresenta até o fim deste mês de junho, uma exposição inédita que reúne mais de cinquenta objetos relacionados à primeira travessia aérea do Atlântico Sul realizada por uma equipe brasileira. Sob o comando de João Ribeiro de Barros, a aventura aconteceu em 1927 a bordo de um hidroavião Savoia-Marchetti S.55, adquirido pelo próprio comandante na Itália e batizado como “Jahú”, em homenagem à cidade natal do aviador, no interior paulista. A exposição foi organizada a partir do acervo do colecionador Alexandre Baptista, para comemorar os 85 anos da chegada do Jahú ao Brasil. O evento também retoma a importância desse feito histórico e mostra suas influências na cultura popular brasileira. Estarão expostos selos, bebidas, camisetas de time de futebol, histórias em quadrinhos, caricaturas e livros criados em homenagem a esse notável voo. A bravura da tripulação do Jahú também é lembrada por meio de medalhas. Aproveitando a visita, o público também poderá conhecer uma aeronave que foi incorporada ao acervo recentemente, o De Havilland DH 82A ainda em condições de voo. Conhecido como Tiger Moth II, esse avião monomotor biplano da década de 1930 integrou a frota da força aérea do Reino Unido ( RAF) e do Brasil (FAB), além da Aviação Naval Brasileira. Destinado para instrução elementar de pilotagem, por ser simples e barato, exigia mãos firmes e fortes para controlar os movimentos, já que havia certo atraso na resposta dos comandos. Essa característica de voo agradava alguns instrutores, por fazer o aluno ter de “penar” para se tornar um bom piloto. Foto: Rodrigo Zanette

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn