FAB integra helicópteros do Exército Brasileiro ao sistema Link BR-1

Aeronaves poderão se comunicar de forma segura com as três Forças

O Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE) completou a integração das aeronaves HM-4 Jaguar do 1º Batalhão de Aviação do Exército, sediado em Taubaté/SP, ao Link BR-1. O processo iniciado em abril deste ano foi concluído para viabilizar a comunicação das aeronaves de forma segura com unidades das três forças armadas do Brasil. Testes preliminares de integração foram realizados com uma aeronave do esquadrão nas dependências da Ala 12. Esta etapa também foi conduzida por uma equipe da Célula de Comunicação e Enlace de Dados (CCED) da Divisão de Comunicações e Sistemas de Informação (DIVCSI) do COMAE. Na última semana, a equipe representativa da DIVCSI inseriu o sistema de comunicação segura (SECOS 2/12), atinente ao Link BR-1 da Força Aérea Brasileira, em cinco aeronaves do 1ºBAVEX e conduziram testes de comunicação por voz criptografada em diversas condições. Foram elas: entre rádios de uma aeronave HM-4 em solo; entre dois HM-4 em solo; entre dois HM-4 em voo e solo; entre um HM-4 e um H-36 Caracal da Ala 12, em Santa Cruz em solo; entre um HM-4 e um H-36 Caracal em voo e solo; e entre um HM-4 e a Estação Remota de Datalink (DLRS) de Santa Cruz. Os testes ainda permitiram que a equipe do COMAE inserisse o sistemaSECOS 2/12 em quatro aeronaves H-36 Caracal do 3º/8ª GAV, expandindo a própria capacidade de emprego operacional do Sistema de Comunicações por Enlaces Digitais da Aeronáutica (SISCENDA). Mais informações no portal www.fab.mil.br.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn