Protótipos do PC-24 completam mais de 500 horas de voo

Certificação do modelo executivo está prevista para ocorrer em meados de 2017

A fabricante suíça Pilatus anunciou que os dois protótipos do jato executivo PC-24 estão realizando uma verdadeira maratona de voos para conquistar a certificação de tipo, tanto da FAA quanto da EASA, esperada para meados de 2017. Os aparelhos já realizaram mais de 300 operações em mais de 500 horas de voo por diversos países europeus e América do Norte, incluindo a travessia do Oceano Atlântico. Com o PC-24, a Pilatus lança um novo conceito de jato: Super Versatile Jet, aeronave que poderá ser operada em diferentes terrenos e flexíveis missões com o máximo de eficiência e com baixo custo operacional. O modelo foi projetado para voar na máxima altitude de 45 mil pés (13.716 metros) a 425 nós (787 km/h) com até 1.950 milhas náuticas de alcance (3.610 quilômetros). Seus dois motores Williams International FJ44-4A fazem com que o PC-24 utilize apenas 770 metros de pista para decolar. O novo jato suíço conta com uma grande e independente porta de carga lateral, o que facilita o acesso de bagagens e cargas. A bagagem pode ser acessada da cabine de passageiros a qualquer momento do voo. Projetado para ser operado com apenas um piloto, o PC-24 virá equipado com a suíte desenvolvida pela Honeywell com a mais avançada tecnologia, como o sistema de visão sintética e plano de voo gráfico.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn