Viracopos é o primeiro do país a inspecionar 100% das exportações

Aparelhos de raio-X de última geração, cães farejadores e equipamentos de detecção de traços de explosivos fazem a inspeção de segurança

O Aeroporto Internacional de Viracopos passa a ser a partir desta semana o único terminal do país a inspecionar 100% da carga para a exportação. Para isso, foram implantados mecanismos de inspeção com três aparelhos de raio-X de última geração, cães farejadores e equipamentos de detecção de traços de explosivos e de substâncias químicas consideradas de alto risco. A inspeção ocorrerá tanto nos cargueiros quanto nos voos de passageiros que levam volumes de porão juntamente com as bagagens. A elevação do rigor na fiscalização visa à redução de riscos por causa das ocorrências recentes de atos de terrorismo praticados contra a aviação civil mundial, além de reforçar a segurança em virtude da aproximação dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. O Teca de Viracopos é um dos mais importantes e movimentados do Brasil e é o maior em volume de carga importada do país. Além de contar com uma ampla e moderna estrutura para movimentação, armazenamento e liberação, é responsável por movimentar cerca de 40% de toda carga aérea importada do país. Para implementar as mudanças, foi necessário a alteração de todo o layout e do fluxo operacional do Terminal de Exportação. Para isso, Viracopos criou uma Área Restrita de Segurança (ARS) dentro do Teca. Com isso, 100% das cargas serão inspecionadas. O sistema prevê que a Receita Federal e a Polícia Federal tenham acesso simultâneo às imagens de todo o processo de inspeção de cargas. Hoje, são pelo menos 110 câmeras de segurança instaladas no local. Foto: Aeroportos Brasil/Viracopos

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn