Movimentação de cargas em Fortaleza cresce 12,3% no primeiro trimestre do ano

Destaque ficou por conta do setor de exportações totalizando 1.220,2 toneladas

A Infraero anunciou que o Teca do Aeroporto Internacional de Fortaleza/Pinto Martins/CE começou o ano com alta na movimentação de volumes. De janeiro a março, foram processadas 1.597 toneladas de cargas, 16,4% a mais que as 1.372 toneladas registradas no mesmo período de 2016. O destaque ficou por conta do setor de exportações, totalizando 1.220,2 toneladas. Esse volume representa um acréscimo de 21,41% na comparação com os três primeiros meses do ano passado, quando foram contabilizadas 1.005 toneladas no complexo logístico. Os principais produtos enviados ao exterior a partir do Teca cearense são frutas, couros e calçados. No segmento de importações, foram movimentadas 376,4 toneladas no primeiro trimestre de 2017, alta de 2,4% em relação ao mesmo período do ano anterior. Os principais produtos que chegam ao Teca são máquinas e partes e peças de maquinários utilizados nas diversas indústrias instaladas na região. O Teca do Pinto Martins é um dos maiores da Infraero no Nordeste, com área construída de 8,05 mil m². Desta capacidade total, 2,98 mil m² são destinados à área de importação e 2,22 mil m² destinados à exportação. Com capacidade de armazenamento para 20 mil toneladas de cargas, o Teca conta com cinco câmaras frias espalhadas por 479,89 m², sendo duas no armazém de importação e três no armazém de exportação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn