KLM garante 3,4 bilhões de euros em financiamento do governo

Empresa afirma que a ajuda garante que possa continuar suas atividades e fortalece sua posição em relação ao futuro

A companhia aérea KLM garantiu 3,4 bilhões de euros em financiamento do governo holandês. O aporte é adicional aos 7 bilhões de euros ajustados para a Air France pelo governo francês. A empresa afirma que a ajuda garante que possa continuar suas atividades e fortalece sua posição em relação ao futuro. As condições impostas ao pacote de financiamento abrangem emprego de todos os funcionários, remuneração variável da alta administração, reestruturação, dividendos, governança, qualidade da rede e sustentabilidade, que incluem reduzir o número de voos noturnos em 20% para reduzir o impacto do ruído das aeronaves nos arredores do Aeroporto de Schiphol, em Amsterdã, incentivar viagens de trem e reduzir pela metade as emissões de CO2 em 50% por passageiro até 2030. O pacote de financiamento e as condições em que é fornecido ainda precisam ser aprovados pelo parlamento e pela Comissão Europeia. Depois disso, a KLM elaborará um plano de reestruturação que tem como objetivo revisar as atividades atuais e adaptar a companhia à mudança da realidade econômica. Mais informações no portal www.businesstraveller.com.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn