Grupo Lufthansa encomenda 40 aeronaves de última geração

Encomenda consistirá de 20 jatos Boeing 787-9 e 20 Airbus A350-900 para substituir modelos mais velhos de quatro motores nas frotas de longo curso

O Conselho de Administração do Grupo Lufthansa aprovou a compra de um total de 40 aeronaves de última geração para as companhias aéreas integrantes. A nova encomenda consistirá de 20 jatos Boeing 787-9 e 20 Airbus A350-900 para substituir aviões mais antigos de quatro motores nas frotas de longo curso, com entregas a partir do final de 2022 até 2027. O pedido terá um investimento total de US$ 12 bilhões. O grupo utiliza atualmente uma frota de 199 aeronaves de longo curso, incluindo doze Airbus A350-900. A partir de 2020, a Lufthansa será a primeira operadora do Boeing 777-9. Além disso, a empresa reduzirá significativamente a diversidade e a complexidade da frota nos próximos anos e filtrará sete tipos de aeronaves até meados da próxima década, reduzindo custos e complexidade, incluindo manutenção e fornecimento de peças sobressalentes. Outra medida anunciada será a venda de seis dos 14 jatos A380 por razões econômicas, com as aeronaves sendo desativadas entre 2022 e 2023. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn