Emirates e China Southern Airlines anunciam acordo de codeshare

Parceria cobre 18 rotas incluindo pontos domésticos na China e destinos do Oriente Médio e da África

As companhias aéreas Emirates e China Southern Airlines assinaram um memorando de entendimento para avançar com um acordo de codeshare recíproco abrangente, que deverá abrir novos destinos para passageiros viajando entre a China e o Oriente Médio e África. A parceria também permite que os passageiros da Emirates aproveitem a conectividade contínua em voos domésticos dentro da China, adicionando oito novos destinos à sua rede global. As cidades abrangidas pelo acordo incluem Fuzhou, Chongqing, Kunming, Qingdao, Xiamen, Chengdu, Nanjing e Xi’an durante a fase inicial da parceria, sujeitas às aprovações governamentais necessárias. Passageiros viajando da China terão mais opções e viajarão sem interrupções com o mínimo de tempo de conexão, quando voarem para destinos na rede da Emirates para Riad, Jeddah, Dammam, Muscat, Kuwait e Cairo. O acordo de codeshare também inclui voos para destinos africanos, como Seychelles e Lagos. Com a política de isenção de vistos dos Emirados Árabes Unidos para visitantes chineses, os passageiros também podem desfrutar de escalas sem problemas em Dubai e experimentar o que a cidade tem para oferecer antes de voar para seus destinos finais. A parceria em codeshare fornecerá aos viajantes a simplicidade de comprar voos de conexão usando uma reserva e uma experiência tranquila de emissão de bilhetes, check-in, embarque e verificação de bagagem durante toda a viagem. Atualmente, a Emirates possui acordos de codeshare com 23 parceiros em todo o mundo. Com a nova parceria, os passageiros da companhia poderão desfrutar de conectividade para mais de 160 destinos na região Ásia-Pacífico. A Emirates opera dois voos diários para Pequim e Xangai, além de um diário para Guangzhou.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn