Boeing prevê demanda para até 1,5 milhão de pilotos e técnicos nos próximos 20 anos

Estudo aponta que a região Ásia-Pacífico vai absorver 40% da mão de obra

A fabricante norte-americana Boeing divulgou um novo estudo que projeta uma demanda de cerca de 1,5 milhão de pilotos e técnicos ao longo dos próximos 20 anos. Dentro desta perspectiva, a empresa indica que serão necessários cerca de 617.000 novos pilotos da aviação comercial;
679.000 técnicos de manutenção de linha aérea; e 814.000 tripulações de cabine. A nova demanda para pilotos é impulsionada principalmente por novas entregas de aeronaves e composição das frotas, enquanto a nova procura por técnicos é impulsionada principalmente pelo crescimento das frotas. A região Ásia-Pacífico responderá por 40% da necessidade global devido ao crescimento no mercado de aeronaves de corredor único, que é impulsionada por operadoras de baixo custo, enquanto na América do Norte será resultado da abertura de novos mercados em Cuba e México. Para conhecer mais detalhes do estudo, acesse o endereço http://www.boeing.com/commercial/market/long-term-market/pilot-and-technician-outlook/

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn