Avianca Brasil inicia a retirada das aeronaves Fokker 100

Empresa pretende desativar nove aviões durante o próximo ano

A companhia aérea Avianca Brasil anunciou que vai reduzir o ritmo de expansão da oferta de voos, com o início da devolução das aeronaves Fokker 100, que na empresa é conhecido como MK-28, a partir de janeiro próximo. A decisão tem o objetivo de desacelerar o crescimento da empresa, que ampliou em 87% sua oferta de assentos para voos domésticos neste ano. O aumento da capacidade fez a participação de mercado da Avianca atingir 5,5% em setembro deste ano, contra 3,8% registrados no mesmo mês do ano passado. Apesar da desaceleração, a companhia ainda planeja ampliar em cerca de 30% sua oferta de assentos no ano que vem. A expansão é possível porque vai continuar recebendo as aeronaves Airbus A318 configurados com 120 poltronas, 20 a mais do que o Fokker 100. Foto: Paulo Berger

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn