A cada 100 habitantes, 55 passagens aéreas são emitidas no Brasil

107 milhões de passageiros foram transportados em 2012

A demanda pelo transporte aéreo dentro do Brasil mais do que triplicou nos últimos dez anos, com alta de 234% em 2012. O crescimento médio do transporte aéreo desde 2003 representou mais de 3,5 vezes o crescimento médio do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e mais de 14 vezes o crescimento médio da população no mesmo período. O número alcançado em 2012 representou uma proporção de 55 passageiros transportados no modal aéreo para cada 100 habitantes no Brasil. Em 2003, essa mesma proporção foi de 21 para 100. Os dados constam do Anuário do Transporte Aéreo de 2012, disponibilizado pela ANAC no endereço http://www2.anac.gov.br/estatistica/anuarios.asp . No total, 107 milhões de passageiros foram transportados em 2012, dos quais 88,7 milhões no mercado doméstico e 18,5 milhões no internacional, distribuídos em mais de 1,1 milhão de voos realizados. O crescimento da economia brasileira, a distribuição de renda no país e a concorrência no setor são os principais fatores que contribuíram para o crescimento do transporte aéreo nos últimos dez anos. O aproveitamento dos assentos das aeronaves em voos dentro do país também foi representativa e aumentou 21,5% em dez anos, alcançando 72,9% de ocupação, ante 60% em 2003. Já os percentuais de atrasos superiores a 60 minutos e de cancelamentos foram os menores em dez anos, apresentando redução de 30,8% para o percentual de atrasos e de 68% para o de cancelamentos. Foto: Paulo Berger

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn