Fechar

Serviços de Bordo



Compartilhar:

RSS

Novos assentos da classe econômica podem acabar com as guerras pelos apoios de braço

Novos assentos da classe econômica podem acabar com as guerras pelos apoios de braço

 

A Rebel.Aero é uma empresa que quer desestabilizar a indústria de assentos para aviões. Seu produto mais recente para ajudá-lo em sua busca é o Joy - um assento ultraleve que promete eliminar o contato dos ombros (e, com sorte, o atrito) entre os passageiros. Um escalonamento de assentos será suficiente para resolver futuras disputas pelo apoio de braço antes que elas surjam?

A Rebel.Aero Joy.diz que sua missão é interromper a atual estagnada indústria de assentos e projetar produtos que "realmente atraiam o consumidor e também o proprietário" A adição mais recente é um assento ultraleve que o fabricante diz que "acabará com as guerras de apoios de braço para sempre".

O assento Joy apresenta a opção de escalonar o assento do meio. Isso reduz o contato dos ombros e do apoio de braço entre os passageiros sentados um ao lado do outro. Enquanto isso, parece que ainda há apenas um apoio de braço real, o que significa que, embora possa haver mais espaço para os ombros, quem terá apoios para os dois braços será só o passageiro do meio.

O escalonamento dos ombros não é a única característica que se destaca. Rebel.Aero Joy também tem um assento que se dobra, proporcionando mais espaço em pé, permitindo um embarque mais rápido como resultado.

Foto: Divulgação

 



SAIBA MAIS

Aviação Civil

30/03/2021


Mais de 10 voos da Aerolíneas Argentinas transportaram 4,57 milhões de vacinas   Nos últimos meses, Aerolíneas Argentinas voou dez vezes entre Buenos Aires e Moscou, transportando mais de 3,66 milhões de doses de vacinação COVID-19 da Rússia para a Argentina. Outras foram transportadas de Pequim. A companhia aérea tem desempenhado um papel fundamental no auxílio ao processo de vacinação em seu país. O Governo argentino mobilizou a Aerolíneas Argentinas, que possui dez aeronaves Airbus A330, que atualmente utiliza para levar as vacinas COVID-19 para casa. A Aerolíneas pode implantar sua frota de longo curso nesta missão por causa da pandemia COVID-19, o que significa que a companhia aérea não está operando em um horário comercial completo. Raramente usa sua aeronave A330 em voos para Bogotá, Cancún, São Paulo, Madrid, Miami e Punta Cana, de acordo com a Cirium. Foto: Divulgação    


Industria

30/03/2021


Virgin Galactic revela uma nova geração de espaçonaves comerciais   A Virgin Galactic revelou o VSS Imagine, o primeiro avião da frota da SpaceShip III (SS3). A nave espacial elegante e brilhante será submetida a testes de solo imediatamente. A Virgin Galactic também está aumentando a produção de uma segunda nave espacial, VSS Inspire, para aumentar sua frota suborbital. A nave, construída com um 'material semelhante a um espelho' que 'reflete o ambiente circundante, mudando constantemente de cor e aparência enquanto viaja da terra para o céu e para o espaço', está programada para passar por testes de voo sem motorização já neste primeiro semestre, no Spaceport America em Novo México. Hoje, apresentamos nossa classe de veículos SpaceShip III, marcando o início da frota da Virgin Galactic. VSS Imagine and Inspire são naves deslumbrantes que levarão nossos futuros astronautas em uma incrível viagem ao espaço, e seus nomes refletem a natureza aspiracional do voo espacial humano. Ele será configurado com seis assentos de passageiros e operado por dois pilotos. Quando operado, assim como a unidade VSS da Virgin, será elevado por um porta-aviões a uma altitude de cerca de 15.200 m antes que seus próprios foguetes o levem suborbital. O material da nova espaçonave fornecerá proteção térmica e "é naturalmente atraente para o olho humano, refletindo nossa fascinação humana inerente com o espaço e a experiência transformadora do voo espacial". O design e o material do VSS Imagine é, sem dúvida, um salto quântico em termos de estilo mas funcionalmente funcionará de forma muito semelhante à da Virgin. Foto: Divulgação    



Publicidade