Fechar

Industria



Compartilhar:

RSS

Surf Air Mobility adquire a Ampaire

Surf Air Mobility adquire a Ampaire

 

A Surf Air Mobility está adquirindo a Ampaire, pioneira da aviação elétrica híbrida, em um negócio de mais de US$ 100 milhões. A empresa de viagens aéreas privadas pretende ter aeronaves híbridas disponíveis até 2024 para clientes que reservem seus serviços regulares e sob demanda.

Todos os funcionários da Ampaire passarão para a Surf Air Mobility e seu cofundador, Kevin Noertker, será o presidente de uma nova divisão chamada AMP.

A equipe Ampaire está trabalhando em planos para converter vários tipos de aeronaves para propulsão elétrica híbrida, com base em testes de voo recentemente concluídos com a conversão de EEL Elétrico de um Cessna 337. Ela acredita que o primeiro desses programas, que provavelmente incluirá o De Havilland Twin Otter e Cessna Grand Caravan, poderiam ser certificados até o final de 2023.

“A probabilidade de atingir este cronograma aumentou como resultado deste anúncio”, disse Noertker. A empresa espera obter seu primeiro certificado de tipo suplementar para um retrofit híbrido-elétrico dentro de três anos, com um segundo seguindo cerca de 12 meses depois, conforme o processo é simplificado.

Foto: Ampaire

 



SAIBA MAIS

Aviação Civil

19/02/2021


Air Côte d’Ivoire recebe seu primeiro Airbus A320neo Ontem (18/02), a Air Côte d’Ivoire recebeu seu primeiro Airbus A320neo. Isso torna a transportadora com sede em Abidjan a primeira operadora do tipo na região da África Ocidental. No voo de hoje, de Toulouse para Abidjan, o jato a missão de trnasportar uma tonelada de produtos humanitários, como suprimentos médicos e brinquedos infantis. A iniciativa é uma parceria entre a Aviation sans Frontiéres e a Airbus Foundation, e parte da iniciativa de responsabilidade social corporativa (CSR) da Air Côte d'Ivoire. Após cinco horas e 38 minutos no ar, o jato pousou no Aeroporto Internacional Félix-Houphouët-Boigny, na capital da Costa do Marfim. Os espectadores puderam acompanhar o evento ao vivo e a cerimônia da entrega transmitida por meio das redes sociais da companhia aérea. Foto: Divulgação    


Aviação Civil

18/02/2021


Spirit Airlines reiniciará a contratação de pilotos e comissários de bordo   A companhia aérea não comentou quantos funcionários planeja contratar este ano, mas o CEO da Spirit Airlines, Ted Christie, disse hoje (18/02): "Seremos novamente um ótimo empregador." O último grupo de pilotos que o Spirit enviou para treinamento foi em maio e os comissários de bordo em fevereiro. No entanto, no ano passado terminou com 8.756, dos quais 2.497 eram pilotos e 4.028 comissários de bordo. Ele também comentou que, além do pessoal de voo, a companhia aérea planeja contratar pessoal para outras funções neste ano. A Spirit perdeu US$ 428,7 milhões em 2020, seu primeiro ano de prejuízo desde 2007. No entanto, a aérea espera que a distribuição de vacinas contra COVID-19 promova a recuperação do tráfego aéreo. A companhia estima recuperar o nível que tinha em 2019 até meados deste ano. Foto: Divulgação  



Publicidade