Fechar

Industria



Compartilhar:

RSS

HAI cancela a Heli-Expo 2021

HAI cancela a Heli-Expo 2021

Menos de uma semana depois que quatro grandes fabricantes de aeronaves e outros importantes participantes da indústria decidiram não comparecer, a Helicopter Association International (HAI) tomou a “difícil decisão” de cancelar a Heli-Expo 2021, que estava marcada para 22 a 25 de março em Nova Orleans .

Em uma declaração preparada emitida ontem (20/01) à noite, HAI disse: “Embora alguns em nosso setor nos exijam que continuemos com o show, a maioria recentemente expressou desconforto com a logística envolvida em viagens de negócios neste momento. HAI aprecia ouvir de nossa comunidade VTOL diversificada e somos gratos pelo feedback honesto que recebemos de nossos membros, expositores, participantes e outras partes interessadas.”

O presidente da associação, James Viola, pediu desculpas pelo cancelamento. “Como muitos outros durante o ano passado, tivemos que ajustar o curso em resposta às mudanças nas condições”, disse ele.

A decisão da HAI vem após a decisão da HeliOffshore sediada em Londres de cancelar sua conferência anual presencial em abril em Lisboa. Essa conferência será realizada virtualmente de 11 a 12 de maio.

Foto: Divulgação



SAIBA MAIS

Aviação Civil

21/01/2021


Air Canada voltará a voar com 737 MAX     A companhia aérea canadense anunciou que voltará a voar com seus Boeing 737 MAX a partir de 1º de fevereiro. “Estamos muito confiantes de que o processo regulatório de quase dois anos realizado pela Transport Canada e outras agências ao redor do mundo garante a segurança máxima para a frota do Boeing 737 MAX. Como parte da abordagem da Air Canada para aprimorar a segurança, nossos especialistas internos também trabalharam com especialistas independentes para realizar testes da aeronave e nossos procedimentos operacionais”, disse o capitão Murray Strom, vice-presidente de operações de voo da Air Canada. O executivo garantiu ainda que a Air Canada foi além de implementar as atualizações e modificações necessárias, dotando sua frota de medidas de segurança adicionais que excedem as exigidas pelas autoridades. Foto: Divulgação      


Industria

21/01/2021


Airbus atualiza as taxas de produção   Airbus SE anunciou hoje (21/01), que está atualizando seu planejamento de taxa de produção para suas aeronaves da família A320 em resposta ao ambiente do mercado. As novas taxas médias de produção para a Família A320 terão agora a um aumento gradual na produção da taxa atual de 40 por mês para 43 no 3º trimestre e 45 no 4º trimestre de 2021. Este último plano de produção representa um aumento mais lento do que o previsto anteriormente 47 aeronaves por mês a partir de julho. A taxa de produção mensal do A220 aumentará de quatro para cinco aeronaves por mês a partir do final do primeiro trimestre de 2021, conforme previsto anteriormente. Espera-se que a produção do Widebody permaneça estável nos níveis atuais, com taxas de produção mensal de cerca de cinco para o A350 e dois para o A330, respectivamente. Esta decisão adia um aumento potencial da taxa do A350 para um estágio posterior. A Airbus espera que o mercado de aeronaves comerciais retorne aos níveis pré-Covid entre 2023 e 2025. Foto: Airbus  



Publicidade