Fechar

Industria



Compartilhar:

RSS

Airbus divulga resultados do primeiro semestre de 2020

Airbus divulga resultados do primeiro semestre de 2020

A fabricante europeia Airbus divulgou resultados financeiros consolidados do primeiro semestre encerrado em 30 de junho, onde os pedidos líquidos de aeronaves comerciais totalizaram 298 exemplares, incluindo oito aeronaves no segundo trimestre, com a carteira de pedidos compreendendo 7.584 jatos comerciais. As receitas consolidadas caíram para 18,9 bilhões de euros contra ​​30,9 bilhões de euros no mesmo semestre de 2019, impulsionadas pelo difícil ambiente de mercado que afeta os negócios de aeronaves comerciais, com cerca de 50% menos entregas ano a ano. Isso foi parcialmente compensado por taxas de câmbio mais favoráveis. Um total de 196 aeronaves comerciais foram entregues, compreendendo 11 unidades do A220, 157 da Família A320, cinco jatos A330 e 23 A350. A Airbus Helicopters registrou receitas estáveis, refletindo entregas mais baixas de 104 unidades parcialmente compensadas por serviços mais elevados. As receitas da Airbus Defense and Space foram impactadas pelo menor volume e mix, principalmente na Space Systems, bem como atrasos em alguns programas causados ​​pela situação do COVID-19. O prejuízo líquido consolidado foi de 1,9 bilhão de euros. Agora, as aeronaves comerciais estão sendo produzidas a taxas de acordo com o novo plano de produção anunciado em abril de 2020, em resposta à situação da pandemia. O panorama atual do mercado levou a um pequeno ajuste na taxa do modelos A350 de seis para cinco aeronaves por mês por enquanto. No A220, espera-se que a linha de montagem final em Mirabel, no Canadá, retorne progressivamente aos níveis pré-COVID na taxa quatro, enquanto a linha em Mobile, nos EUA, foi inaugurada conforme planejado em maio. No final de junho, cerca de 145 aeronaves comerciais não puderam ser entregues devido ao COVID-19. Mais informações no portal www.airbus.com.




Publicidade