Fechar

Industria



Compartilhar:

RSS

Airbus divulga estudo de mercado para o Oriente Médio

Airbus divulga estudo de mercado para o Oriente Médio

A fabricante europeia Airbus divulgou novo estudo de mercado que mostra que o tamanho da frota de aviões dos operadores baseados no Oriente Médio deverá mais de dobrar de 1.250 para 3.320 aeronaves nas próximas duas décadas. A região precisará de 2.590 novos aparelhos até 2036, para a substituição de 520 aviões de geração antiga e 2.070 aeronaves por crescimento, sendo que 730 deverão permanecer em serviço durante o período. Esta demanda inclui 1.080 para aviões de dois andares, com o mesmo número de aeronaves de um único corredor e 430 aeronaves de grande porte. No geral, a demanda futura para a frota do Oriente Médio é avaliada em US$ 600 bilhões, de um valor de mercado total de US$ 5,3 trilhões. As encomendas atuais das operadoras baseadas no Oriente Médio são de 1.319 aeronaves, das quais 687 são de um único corredor, 409 de dois andares e 162 grandes. O tráfego de passageiros para e dentro do Oriente Médio crescerá 5,9% ao ano até 2036, bem acima da média global de 4,4%. Enquanto o movimento entre os mercados tradicionais crescerá a uma taxa constante, espera-se que o maior crescimento seja nas rotas para a América Latina (8,5% ao ano até 2036). O tráfego global de mercadorias verá um aumento anual de 3,8% até 2036. Espera-se que o crescimento do tráfego de mercadorias da região seja mais elevado entre o Oriente Médio e a Ásia-Pacífico, com crescimento anual de 4,0%. Mais informações no portal www.airbus.com.


Publicidade