Fechar

Aviação Executiva



Compartilhar:

RSS

Aeronaves Phenom 300 da Embraer passam por inspeção adicional

Aeronaves Phenom 300 da Embraer passam por inspeção adicional

Após relato de ocorrência recebido pela Agência Nacional de Aviação Civil sobre desgastes em peças de balanceamento das aeronaves Embraer modelo Phenom 300, a Agência emitiu uma diretriz de aeronavegabilidade sobre o assunto. A decisão determina que, nos casos em que são encontrados desgastes nas peças indicadas, a aeronave fica impedida de voar enquanto não forem realizadas as ações de manutenção corretivas estabelecidas pela fabricante. Sobre o tema, a fabricante havia emitido o boletim de serviço alerta no último dia 30 de outubro, aplicável a um conjunto de aeronaves específicas, requerendo inspeções adicionais para coletar informações e garantir a segurança operacional desses aviões. Após obter mais informações, a Embraer emitiu revisões com o objetivo de eliminar a condição de forma mais imediata nas aeronaves com maior tempo em operação e mais expostas à condição de desgaste, o que ensejou a emissão da DA pela ANAC. A diretriz de aeronavegabilidade é o documento mundialmente utilizado para impor novos procedimentos de manutenção para aeronaves que já estão em operação, sendo o procedimento padrão quando se identificam questões não previstas durante a certificação da aeronave. Ela é de cumprimento mandatório para todos os operadores, tanto no Brasil como, assim que adotada, nos demais países onde aeronaves especificadas no documento estejam em operação. Mais informações no portal www.anac.gov.br.




Publicidade