Fechar

Aviação Civil



Compartilhar:

RSS

China Airlines anuncia seu último voo de passageiros com Boeing 747

China Airlines anuncia seu último voo de passageiros com Boeing 747

A companhia aérea realizará em 6 de fevereiro o voo especial que permitirá aos passageiros voarem no icônico Jumbo pela última vez. O voo será de aproximadamente 5h30 transportando 350 passageiros e a companhia espera uma demanda de passagens muito alta.

Eventos especiais antes e depois do voo, além de brindes para os passageiros, farão parte do pacote. O voo decolará do Aeroporto Taoyuan, em Taiwan e o plano de voo inclui um sobrevoo do Monte Fuji no Japão.

O Boeing 747-400, o último da série a ser fabricado, prefixo B-18215, foi entregue pelo fabricante em 2005 e realizou seu último voo regular em 15 de março de 2020, entre Hong Kong e Taipei, permanecendo parado desde então. A companhia aérea ainda opera uma frota de 17 Boeing 747 cargueiros.

Foto: Divulgação



SAIBA MAIS

Aviação Civil

05/01/2021


GOL e Asta Linhas Aéreas fecham acordo de interline   A GOL tem quatro novos destinos em sua malha com uma nova parceira, a Asta Linhas Aéreas: Juína, Tangará da Serra, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum. Estas cidades do Mato Grosso já estão com as vendas disponíveis para voos a partir do próximo dia de 15 de fevereiro de 2021 - com exceção de Nova Mutum, cujas vendas devem se iniciar nos próximos dias -, e estão conectadas à malha da Companhia via Cuiabá. Com o acordo (no formato interline), os clientes terão facilidades como compra única dos bilhetes em todos os canais de vendas da GOL, além de terem um único check-in e despacho de bagagem da origem até o destino final, mesmo em caso de conexões na viagem. Estes voos serão operados pela Asta com aeronaves Cessna Grand Caravan, com capacidade para até nove passageiros. Todos os procedimentos regulares foram reforçados, além dos já rígidos padrões de sanitização da aviação civil estabelecidos pelos órgãos responsáveis, alinhados com as recomendações da Organização da Aviação Civil Internacional (OACI), Organização Mundial da Saúde (OMS), Associação Internacional de Transporte Aéreo (IATA), Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) e Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). A Asta destaca que seus procedimentos de Segurança também estão de acordo com os protocolos recomendados pela OMS, seguindo as determinações dos governos federal e estadual. Além de disponibilizar álcool em gel para os passageiros e orientar sobre o uso obrigatório de máscaras a bordo, a empresa adota procedimentos especiais de higienização das aeronaves. Foto: Divulgação  



Publicidade