Fechar

Aviação Civil



Compartilhar:

RSS

Emirates conclui a reforma das aeronaves Boeing 777-200LR

Emirates conclui a reforma das aeronaves Boeing 777-200LR

A companhia aérea Emirates anunciou a conclusão da reforma na última aeronave Boeing 777-200LR. A empresa investiu US$ 150 milhões na conversão de dez aviões do tipo de três para duas cabines de serviço, com assentos de classe executiva mais amplos e uma classe econômica totalmente renovada. A reconfiguração das aeronaves foi executada nas instalações da Emirates Engineering em Dubai. A equipe de engenharia gastou um total de mais de 160.000 horas/homem no projeto, trabalhando com mais de 30 fornecedores e lidando com mais de 2.700 peças de reposição. Em média, demorou cerca de 35 dias para a equipe remover e reconfigurar completamente uma única aeronave. O primeiro jato voltou ao serviço comercial em março de 2018 e o projeto foi concluído quase três meses antes do previsto. Por outro lado, o programa de renovação da frota inclui a retirada de um total de sete aeronaves Boeing 777 mais antigas e a entrega de seis novos Airbus A380.




Publicidade