Fechar

Aeroportos



Compartilhar:

RSS

Latam Cargo Brasil inaugura terminal de cargas em Chapecó, SC

Latam Cargo Brasil inaugura terminal de cargas em Chapecó, SC

Foi inaugurado recentemente o décimo terminal de cargas da Latam Cargo Brasil, no Sul do país. A unidade catarinense é segunda inaugurada este ano. Com uma área total de 250 m2 sendo 140 m2 para armazenamento. Segundo a empresa, a estrutura foi planejada para atender o transporte aéreo de cargas do oeste do estado de Santa Catarina.

 No mês de novembro a empresa havia inaugurado o terminal de Brasília com área total de 13.500 m2, sendo 5.121 m2 para armazenamento. Foto: Divulgação

 



SAIBA MAIS

Aviação Civil

17/12/2020


São Paulo poderá receber voos da EgyptAir     Durante o evento online da ABCC (Câmara Brasileira de Comércio Árabe Brasileira), chamado de “Egito no Brasil – Oportunidades e Associações”, realizado na semana passada, Wael Ahmed Kamal Aboumagd, embaixador egípcio em Brasília, declarou que estão avançadas as negociações entre as autoridades aeronáuticas dos dois países, para uma ligação aérea entre São Paulo e a capital egípcia, Cairo. “Tenho certeza de que esse acordo terá muita importância para o turismo e os negócios entre os nossos países, e espero poder anunciar, em breve, os detalhes finais da cooperação entre os nossos governos”, declarou o diplomata egípcio.  A frota da EgyptAir é composta por 69 aeronaves, sendo 12 Airbus 220-300, 8 Airbus A320neo, 4 Airbus A330-200, 4 Airbus A330-300, 29 Boeing 737-800, 6 Boeing 777-300ER e 6 Boeing 787-9. Foto: Divulgação    


Aviação Civil

16/12/2020


Venezuela proíbe voos do Panamá e da República Dominicana O problema internacional, segundo o governo panamenho, resultou de uma disputa sobre frequências de voo recíprocas entre os dois países em bases equitativas. Três voos semanais da Copa eram permitidos na Venezuela, enquanto nove voos semanais para o Panamá estavam disponíveis para companhias aéreas venezuelanas. Em 7 de dezembro, a Venezuela solicitou ao Panamá um aumento no número de voos semanais para as transportadoras nacionais, e o Panamá, por sua vez, solicitou mais voos da Copa para a Venezuela, que não aceitou e cancelou unilateralmente, sem aviso prévio ou justificativa, os três voos semanais da companhia panamenha. Em retaliação, Panamá cancelou todos os direitos das companhias venezuelanas Turpial e Laser para operarem no Panamá, levando a um impasse que deixou os venezuelanos com menos conectividade internacional. Uma das principais companhias aéreas que permitia conectividade global aos venezuelanos, a Copa, restabeleceu as rotas para a Venezuela em meio à pandemia de Covid-19 do Aeroporto Internacional Tocumen da Cidade do Panamá para o Aeroporto Internacional Simon Bolivar de Caracas, na Venezuela, em 24 de novembro. Foto: Copa Airlines  



Publicidade