Fechar

Aeroportos



Compartilhar:

RSS

Tarifas aeroportuárias de Confins e Galeão são atualizadas

Tarifas aeroportuárias de Confins e Galeão são atualizadas

A Agência Nacional de Aviação Civil divulgou as Portarias nº 1.417 e nº 1.418 que reajustam os tetos tarifários dos aeroportos de Galeão e Confins, conforme fórmulas estabelecidas nos respectivos contratos de concessão. Os novos valores poderão ser praticados somente 30 dias após a divulgação pelas concessionárias. Os tetos das tarifas de embarque e conexão de passageiros e de pouso e permanência de aeronaves foram reajustados em 4,9405% para o Aeroporto Tom Jobim e em 5,0912% para o de Confins. Os tetos das tarifas de armazenagem e capatazia de cargas de ambos os aeroportos foram reajustados em 4,9405%. Os reajustes foram aplicados sobre os tetos estabelecidos pelas Decisões nº 49 e nº 50, considerando a inflação acumulada entre abril de 2018 e abril de 2019 medida pela variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), do IBGE, observada no período. Com a alteração dos valores, no Aeroporto do Galeão, a tarifa máxima de embarque doméstico paga pelos passageiros passará de R$ 30,35 para R$ 31,85. Para o terminal de Confins, o valor teto da tarifa de embarque subirá de R$ 30,15 para R$ 31,69. A tarifa máxima de embarque internacional no Aeroporto do Galeão passará de R$ 111,21 para R$ 122,20. Em confins, subirá de R$ 110,87 para R$ 121,92. Os valores das tarifas internacionais incluem o Adicional do FNAC, de US$ 18,00, criado pela Lei nº 9.825/99 e que atualmente corresponde a R$ 65,80, conforme estabelecido pela Portaria ANAC n° 2/SRA/2019. Mais informações no portal www.anac.gov.br.




Publicidade