Fechar

Aeroportos



Compartilhar:

RSS

Infraero apresenta oportunidades de negócios em seus aeroportos

Infraero apresenta oportunidades de negócios em seus aeroportos

Para melhorar ainda mais a experiência de quem frequenta seus aeroportos, a Infraero lançou o edital de Chamamento Público para a concessão das áreas externas em três terminais sob sua administração. O certame contempla área de 5 mil m² no Aeroporto de Curitiba/PR, outra de 11.41 mil m² no Aeroporto de Jacarepaguá/RJ e uma de 24.80 mil m² no Aeroporto de Goiânia/GO. A abertura para recebimento de solicitações está marcada para o próximo dia 9 de outubro. Além dos três lotes, a estatal conta com mais de 3 milhões de metros quadrados em áreas comerciais disponíveis em toda a sua rede de 55 aeroportos. Para esses espaços, o mercado pode sinalizar os potenciais empreendimentos que os terminais podem receber, resultando em novos chamamentos. Os espaços podem abrigar negócios nos segmentos de hotéis, centros comerciais, estacionamentos, megalojas, home centers, postos de gasolina, concessionárias de veículos, hangares e parques de abastecimento de aeronaves. O chamamento é uma oportunidade de a iniciativa privada desenvolver estudos para concessão de áreas aeroportuárias, potencializando a prospecção e identificado junto ao mercado a vocação comercial para a exploração das áreas inclusas no documento. As empresas interessadas em participar do chamamento deverão solicitar autorização à Infraero para realização dos estudos, conforme edital publicado. Após a liberação, as interessadas terão prazo de 70 dias para apresentar Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEAs), contendo relatórios mercadológicos, estudos de engenharia, ambiental, de avaliação econômico-financeira e matriz de riscos para implantação de empreendimentos comerciais. Depois de entregues, os estudos serão avaliados pela Infraero, conforme critérios do edital de chamamento. A proposta que for declarada vencedora irá embasar o processo licitatório que definirá a empresa responsável pela execução e exploração do empreendimento comercial. Mais informações no portal www.infraero.gov.br.




Publicidade